Toda comunicação escrita, seja ela acadêmica, para uso pessoal ou comercial, beneficia-se da edição e da revisão. Essas tarefas melhoram a eficácia e a apresentação de comunicações escritas, assegurando, antes de tudo, que a sua mensagem seja apresentada com clareza e de maneira integral, e em segundo lugar, que seja transmitida de forma correta e coerente, tanto em termos de estilo como de formato.

Erros gramaticais comprometem a eficácia de qualquer documento. Documentos com erros ortográficos, de pontuação e/ou estruturas frasais inadequadas limitam o fluxo natural de leitura, podendo resultar até mesmo na perda de negócios.

Também editamos e revisamos textos traduzidos e/ou redigidos por pessoas que não são falantes nativos do respectivo idioma. Nesses casos, revisamos cuidadosamente e aprimoramos o texto para assegurar que sua leitura flua como se tivesse sido escrito originalmente por um nativo.

A edição, a revisão e o controle de qualidade linguístico representam um custo inexpressivo comparado às vantagens de assegurar uma imagem profissional do seu negócio.

shutterstock_161761718 (1)

Níveis de edição

Embora muitas pessoas possam pensar que edição e revisão sejam a mesma coisa, trata-se na verdade de tarefas distintas.

Definimos “edição” como a realização de revisões e formulação de sugestões sobre o conteúdo de um documento, concentrando-se no aprimoramento da precisão da linguagem, de sua fluência e legibilidade geral, abrangendo também a verificação da correção gramatical e ortográfica. Em outras palavras, a edição envolve uma revisão detalhada de um documento, comparando os textos de origem e de destino. Ela inclui a análise de conteúdo, organização, coerência, registro de linguagem e estilo de texto.

Além disso, durante a edição, é verificado se a terminologia utilizada está correta. Isso é alcançado pesquisando novamente cada palavra que suscite dúvida, isto é, que seja desconhecida do editor – utilizando recursos on-line ou impressos – visando exclusivamente a verificar se foi utilizada a terminologia correta.

Revisão

A revisão representa o estágio final do processamento de um documento. O revisor é a última pessoa que lê e/ou verifica um documento antes que ele seja considerado concluído – para distribuição ou publicação. O significado das palavras e a terminologia são irrelevantes neste estágio, já que o revisor se concentra nos detalhes do texto. É neste momento que todo o documento é revisado pela segunda vez quanto a erros de digitação, ortografia, gramática, pontuação e uso de letras maiúsculas. O revisor prestará muita atenção a detalhes como numeração, consistência de terminologia ou abreviaturas, títulos e formatos de estilo. Outra diferença importante é que a revisão normalmente envolve apenas o texto na língua de destino, isto é, a versão final do documento.